Quem sou eu

Minha foto

Inteligência Operacional é uma empresa criada por André Soares que é o seu Diretor-presidente. É pioneira no país na formulação e emprego de doutrina de Inteligência própria, consolidada oficialmente em suas obras publicadas, visando ao aperfeiçoamento da cidadania e do Estado Democrático de Direito no Brasil, em obediência aos princípios constitucionais, por parte das pessoas, organizações e instituições públicas que exerçam a Inteligência de Estado.

segunda-feira, 4 de dezembro de 2017

"A Inteligência do casamento V - O perfil do homem ideal"

Artigo de André Soares - 04/12/2017


Ao reiterar veementemente a verdade inconteste que “casamentos não dão certo, nem mesmo por amor”, não significa, em hipótese alguma, que este autor esteja fazendo apologia contra o casamento. Absolutamente! Até porque outra das verdades inexoráveis sobre o casamento, que também venho alardeando, é que “casamentos são inevitáveis”. Contudo, a absoluta maioria das pessoas, principalmente as mulheres, persiste no grave erro de fugir da realidade dos fatos, que comprovam inquestionavelmente que o fracasso é a regra geral em cerca de 95% dos casamentos, se autoenganando que o seu casamento será bem-sucedido, quando também incorrem nas mesmas falhas dos casamentos fracassados. Nesse sentido, muitos são os erros e equívocos cometidos por homens e mulheres que levam ao insucesso no casamento. E aqui vou destacar um gravíssimo deles, que é cometido exclusivamente pelas mulheres. Trata-se do perfil do homem ideal, cujo modelo é universalmente idealizado pelas mulheres na atualidade.

O perfil do homem ideal, universalmente idealizado e desejado pela equivocada mentalidade feminina dos dias atuais, pode ser sintetizado no principal “clichê” que é o preferido das próprias mulheres: “Eu quero um homem que me SURPREENDA! SEMPRE!”

Segundo as mulheres, isso pode se dar até mesmo nos pequenos detalhes do cotidiano. Mas, a regra fundamental é ela ser surpreendida SEMPRE, inclusive no sexo. Aliás, quanto ao sexo, vale destacar que o casamento acaba quando acaba o sexo. Ponto final. Mas, isso não significa que o casamento acaba quando os casais deixam de transar. Significa que o casamento acabou quando acabou o sexo prazeroso. E o sexo prazeroso no casamento sempre acaba muito antes de se findarem as relações sexuais entre os cônjuges; que normalmente prosseguem ainda por bastante tempo, numa interminável “tortura” para ambos.

E como surpreender sexualmente uma mulher no casamento?
Resposta: Em síntese, significa fazer de tudo, e sempre de formas diferentes. Afinal, se não for assim ela não será surpreendida SEMPRE, não é mesmo? Mas tem um importante detalhe sexual: “fazer de tudo” para as mulheres no casamento significa fazer tudo o que ela gosta; conquanto isso não signifique que necessariamente a recíproca será igualmente verdadeira para os homens. E que isso fique bem claro.

E quais são os outros atributos do modelo universal do perfil do homem ideal, idealizado pelas mulheres contemporâneas?
Resposta: Infindáveis. É isso mesmo! A relação de atributos do perfil do homem ideal das mulheres não tem fim. Mas, podem ser todos eles definidos e compreendidos pela “Teoria Paradoxal Feminina”, que desvela a complexidade da natureza contraditória da personalidade das mulheres, na qual seu comportamento invarialvemente sempre oscila entre extremos opostos.

Em se tratando do perfil do homem ideal, significa que as mulheres desejam um homem que seja ora de um jeito, ora o seu oposto. Por exemplo: as mulheres querem um homem que seja:
  • Poderoso, mas também sensível;
  • Forte, mas também frágil;
  • Talentoso, mas também desajeitado;
  • Criativo, mas também prático;
  • Viril, mas também um “homem feminino”;
  • De caráter, mas também cafajeste;
  • Inteligente, mas também idiota;
  • Genial, mas também corriqueiro;
E assim por diante...

Todavia, é imperioso destacar ainda que “Teoria Paradoxal Feminina” explica que esse comportamento contraditório das mulheres segue um padrão, de tal forma que quando os homens assumem algum dos atributos do perfil desejado por elas, automaticamente elas mudam para o seu extremo oposto, numa oscilação interminável. Esse fenômeno psicossocial que rege o comportamento feminino hodiernamente é a razão pela qual invariavelmente as mulheres se mostram eternas insatisfeitas, não apenas no casamento, mas com tudo e todos. Não há exceção nem mesmo para as mulheres consideradas bem-sucedidas por terem conseguido se casar e viver às custas de homens-provedores ricos. Estas, em geral, são as que silentemente mais reclamam e odeiam seus maridos.

Portanto, só existe um tipo de homem na face da terra capaz de satisfazer, mesmo que temporariamente, a obsessão que as mulheres têm de serem SUPREENDIDAS: os mágicos. E, mesmo assim, por pouco tempo, enquanto durarem seus truques, é claro! Brincadeiras à parte, a verdade simples e objetiva é que as mulheres do século XXI estão insatisfeitas e reclamando compulsivamente dos homens no casamento, por não encontrarem neles o perfil de homem ideal que foi equivocadamente concebido por elas. Isso porque esse perfil é escancaradamente irreal e impossível. E não apenas porque os homens não são assim. Porque simplesmente não existe ser humano no mundo, homem ou mulher, que assim o seja.

A boa notícia é que, ao contrário do que as próprias mulheres possam imaginar, existe de fato o verdadeiro perfil do homem ideal, capaz de fazer uma mulher feliz, em todos os sentidos, e de viver um casamento e uma vida familiar plena de prosperidade para todos. Os seletivos homens que possuem esse perfil certamente já cruzaram o destino de muitas das insatisfeitas mulheres do século XXI, que indubitavelmente perderam a maior oportunidade de felicidade de suas vidas. Porque acham que sabem escolher um homem de verdade, quando ainda não sabem sequer separ o mundo real da "ilha da fantasia".

sexta-feira, 1 de dezembro de 2017

livro "ENTREVISTA OPERACIONAL - A entrevista da vida real"


 
                     R$ 20,00



O livro "ENTREVISTA OPERACIONAL - A entrevista da vida real" é uma obra inédita, de autoria do Tenente Coronel André Soares (autor do livro "Ex-agente abre a caixa-preta da ABIN"), que desenvolveu essa doutrina para o emprego operacional dos Agentes Secretos, a qual é determinante no cumprimento exitoso de suas perigosas missões sigilosas.
Entrevista Operacional desenvolve em seus protagonistas uma personalidade forte e dominante, atuando em todo e qualquer meio social, demandando um enorme poder de liderança sobre todas as pessoas, no sentido de conduzi-las a comportamentos predeterminados.
Entrevista Operacional pode ser definida como sendo “a entrevista da vida real”, porque pode ser empregada por qualquer pessoa, em qualquer situação ou circunstância, representando o ápice do autoconhecimento e auto-aperfeiçoamento.

Esta obra é de especial interesse
Para todas as pessoas e a sociedade brasileira.
Esta obra é recomendada
Para os governantes e autoridades responsáveis pelo controle e emprego da atividade de Inteligência no país. Aos servidores públicos, como membros do Ministério Público, promotores, magistrados, policiais, militares, delegados, agentes, advogados, psicólogos, gestores públicos, dentre outros.
Esta obra é obrigatória
Para dirigentes, diretores, coordenadores, analistas, operadores e demais integrantes dos sistemas de inteligência do país.
Saiba mais sobre o livro.

livro "LIDERANÇA OPERACIONAL - A liderança dos Agentes Secretos"


           R$ 15,00



O livro "LIDERANÇA OPERACIONAL - A liderança dos Agentes Secretos" é uma obra inédita, de autoria do Tenente Coronel André Soares (autor do livro "Ex-agente abre a caixa-preta da ABIN"), que desenvolveu essa doutrina fundamentada nos conhecimentos que demandam o avassalador poder de liderança dos Agentes Secretos, atuando em todo e qualquer meio social.
Liderança Operacional pode ser empregada por qualquer pessoa, em qualquer situação, ou circunstância da vida real; representando o ápice do autoconhecimento e auto-aperfeiçoamento.
Esta obra é de especial interesse para os governantes, dirigentes e pessoas que exerçam cargos de chefia e liderança.
Esta obra é recomendada a todas as pessoas e à sociedade brasileira.

Esta obra é obrigatória para Agentes Operacionais (agentes secretos) de serviços secretos.